Notícias

Compartilhe

Facebook Tiwitter Google + i


SMEC promove II Seminário de Patrimônio Cultural de Alfenas

por Ascom Última modificação em 28/09/2018 | 11h 27min |

A SMEC – Secretaria de Educação e Cultura de Alfenas realizou, em parceria com a empresa de Consultoria Triângulo Cultural, o II Seminário de Patrimônio Cultural, no auditório Leão de Faria, na Unifal – Universidade Federal de Alfenas. O evento aconteceu no dia 25 de setembro, e contou com palestras e mesas redondas sobre temas que abordaram “Os Diversos Olhares Sobre Patrimônio”, com representantes de mais de dez cidades da região, entre eles; gestores, conselheiros e professores da rede municipal de ensino de Alfenas.

No hall do auditório da Universidade ficaram expostas mais 40 fotos de diversos ângulos da “Ponte das Amoras”, desde sua construção e outras mais recentes, cedidas pelo fotógrafo Wilson Orfão, que trouxe mais beleza e luz ao espaço.

No início dos trabalhos as autoridades presentes assinaram o Edital de Tombamento da Ponte das Amoras e para conduzir os conteúdos, o seminário recebeu convidados de diversas instituições como Unifal, Secretaria de Educação e Cultura, ACILAGO – Associação Turística do Lago de Furnas, Furnas Centrais Elétricas de Minas Gerais e Conselho Municipal do Patrimônio Cultural de Monte Santo de Minas.

O debate foi dividido em duas etapas, na primeira, o vice-Reitor professor Alessandro Antônio Costa Pereira falou da alegria da Universidade receber o evento em um ato tão importante para a história da região. Em seguida, a Secretária de Educação e Cultura de Alfenas, Tani Rose, discorreu sobre a importância de cuidar das margens do Lago de Furas e ressaltou que as águas estão poluídas. Para a Presidente da ACILAGO – Associação Turística do Lago de Furnas, Thayse Castro, o tombamento irá atrair mais turistas e reforça ainda mais a vocação do Lago. O representante de Furnas, Allyson Thalles Teixeira, apresentou dados e colocou a empresa à disposição para cessão de documentos necessários para auxiliar o processo de tombamento do patrimônio cultural do município. No encerramento desta primeira etapa, o Superintendente de Cultura de Alfenas, Guilherme Abraão, explicou sobre todo o procedimento e fases do processo que serão exigidas para o tombamento, e afirmou que, após a assinatura do Edital e sua publicação nos jornais da região, as empresas Furnas – Centrais Elétricas de Minas Gerais e DNIT – Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes serão notificadas sobre o ato.

Para finalizar a discussão do tema a palestrante Drª Luciana Menezes de Carvalho, museóloga e Diretora do Museu da Unifal, falou sobre a preservação em Museus. Em seguida, a atriz Júnia Cristina apresentou uma peça teatral sobre os personagens folclóricos de Alfenas.

Na segunda etapa, parte final do II Seminário, foi oferecido aos participantes um curso de formação de Conselheiros de Patrimônio e Cultura, ministrado por Bruno Tripoloni Balista, Conselheiro Municipal do Patrimônio Cultural da cidade de Monte Santos de Minas (MG).